(11) 3337-6196 / 4106-3406

©2018 by Central Única dos Detetives / APRODEPAB. Todos os direitos reservados.

R. 24 de Maio, 188 - 3º Andar - Cj.: 304 - Centro - São Paulo - SP, 01041-000 - Brasil

HISTÓRICO

O primeiro detetive particular do mundo apareceu no ano de 1850 na cidade de Chicago, Estados Unidos da América do Norte. Seu nome: Allan Pinkerton. Allan foi um dirigente sindical na Escócia e sendo perseguido pelo governo daquele país por questões políticas, resolveu imigrar para os Estados Unidos, escolhendo a cidade de Chicago. Inicialmente, montou uma pequena oficina de reparos de tonéis de carvalho (pipas), usados para envelhecimento de bebidas. Não contente com o baixo rendimento mensal do negócio, resolveu mudar de profissão. Como a criminalidade na época atingia índices alarmantes, têve a idéia de trabalhar paralelamente com as forças policiais e reunindo alguns amigos e conterrâneos, fundou a AGÊNCIA NACIONAL DE DETETIVES PINKERTON. Esta agência existe até hoje e está espalhada pelas principais cidades norte-americanas, mantendo ramificações em vários países e dando emprego a mais de 3.500 detetives particulares. No Brasil, o primeiro detetive a montar um pequeno escritório de investigações particulares foi o Detetive Particular Joaquim Ganância, no ano de 1.892, no Rio de Janeiro. Somente no ano de 1.961, em São Paulo, surgiu uma grande agência de investigações particulares, com o nome de Embrail - Empresa Brasileira de Investigações Ltda., sendo seu fundador o famoso Detetive Evódio Eloísio de Souza, notabilizado pela alcunha de Detetive Jefferson Trenck.